Dicas para novos empreendedores

1

Horários mais flexíveis, menos estresse com cobranças e mais disponibilidade para a família são algumas das metas daqueles que sonham abrir o próprio negócio. Mas, deixar de ser empregado para ser patrão não é tarefa fácil. A pequena e média empresas tem inúmeras dificuldades para se estabelecer nos primeiros anos de vida.

Em geral, o empreendedor sofre por não conhecer muito bem o setor em que atua, por não saber lidar com clientes ou por não dominar aspectos financeiros básicos para gerir seu caixa. Mas esta realidade está começando a mudar.

De acordo com Bruno Caetano, diretor-superintendente do Sebrae-SP, o perfil do empreendedor brasileiro está  em transformação. Até meados da década de 1990, eles geralmente eram aquele tipo de trabalhador que, quando demitido, sacava o fundo de garantia e abria um negócio qualquer para garantir renda. Atualmente, quem pensa em empreender está mais preparado e atento ao mercado em que pretende entrar.

“A cada empresa aberta por necessidade há 2,24 abertas por oportunidade”, explica.
No entanto, os números de empreendimentos que têm vida curta é alto. Segundo dados de estudos conduzidos pelo Sebrae-SP sobre a sobrevivência e a mortalidade das empresas paulistas, de cada 100 negócios abertos no Estado, 22 fecham as portas até o segundo ano de atividade.

Por isso, antes de se arriscar no mercado é importante saber o que é preciso para ter sucesso. Confira abaixo 10 dicas para saber se você tem o perfil adequado para gerir seu próprio negócio.

1. Planejamento

Capacidade de planejamento é a característica fundamental de qualquer empreendedor de sucesso. Esta habilidade define se a empresa vai para frente ou não. Para o negócio decolar, o empresário precisa constantemente revisar seus planos, levando em conta os resultados obtidos e as mudanças circunstanciais.  Também é importante manter registros financeiros e os utilizar para tomar decisões.

2. Iniciativa

O empreendedor é o líder, o cabeça da empresa. Para criar o negócio, há investimentos de tempo e economias. Portanto, não é possível esperar que alguém resolva seus problemas. Ele deve ir atrás e buscar soluções, além de estar sempre atento ao movimento do mercado, dos clientes e também dos concorrentes para encontrar melhorias para a empresa e novas oportunidades de negócios.

3. Persistência

Quem pretende empreender, precisa estar motivado e confiante. E, acima de tudo, deve estar ciente desde o início que empreender é um desafio e o desânimo atrapalha a condução dos negócios.

4. Lidar com riscos

O líder de uma empresa de sucesso aceita riscos, mas sabe onde pisa. Normalmente, ele sabe até onde ir e arriscar.

5. Ser exigente

Quem está à frente de uma empresa deve ser exigente com a qualidade de seus produtos ou serviços e deve exigir o mesmo comprometimento dos colaboradores, que também devem buscar o melhor.

6. Comprometimento

O empreendedor faz um sacrifício pessoal ou despende um esforço grande para completar uma tarefa. Ele deve estar disponível para colaborar com os empregados para terminar um trabalho, além de se esforçar para manter os clientes satisfeitos. “Existe um mito de  que o dono do negócio não sofre cobranças ou que tem mais horas de lazer com a família. Na verdade é o contrário. Trabalhar por conta traz outros benefícios, mas exige mais comprometimento”, explica Caetano.

7. Ser interessado

O empreendedor dedica-se pessoalmente a obter informações de clientes, fornecedores ou concorrentes. Investiga pessoalmente como fabricar um produto ou fornecer um serviço. Consulta especialistas para obter assessoria técnica ou comercial.

8. Rede de contatos

Quem pretende lançar seu próprio negócio deve frequentar feiras e outros eventos em que estão pessoas diretamente ligadas ao seu setor de atuação, como possíveis clientes e fornecedores. Cada pessoa que conhece nestas ocasiões pode gerar uma expectativa de negócio. Deve agir para desenvolver e manter relações comerciais.

9.Ousadia

A crença em si mesmo faz o indivíduo arriscar mais, ousar, oferecer-se para realizar diferentes tarefas, enfim, torna-o mais empreendedor. No entanto, ele deve estar aberto a ouvir a opinião dos colaboradores, que também estão no cotidiano da empresa e podem contribuir de diferentes maneiras.

10. Definir metas

O líder da empresa deve ter uma visão ampla do negócio. Precisa estar apto a estabelecer metas de longo prazo, claras e específicas e saber mensurar os resultados;

Fonte: Estadão PME

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s